4 Ventos - Web + Comunicação Orientação

Dia Mundial da Fotografia: De volta ao tempo do rolo

Hoje celebra-se mundialmente o Dia da Fotografia. Tudo começou em 1837 quando Louis Daguérre inventou o daguerreótipo, o primeiro processo fotográfico que permitiu fixar uma imagem por processos químicos. A invenção foi anunciada pela Academia Francesa de Ciências a 19 de Agosto de 1839. Desde então, os métodos e máquinas utilizadas para fotografar foram evoluindo e, nos dias de hoje, a fotografia está à distância de um toque no ecrã do telemóvel. Mas, quando se pensava que as máquinas analógicas e os rolos fotográficos eram coisas do passado, eis que eles regressam.

Festival Intercéltico de Sendim: à descoberta da música tradicional

Entre os dias 30 de julho e 2 de agosto, o concelho de Miranda do Douro enche-se de música e animação com mais uma edição do Festival Intercéltico de Sendim. Organizado pelo Centro de Música Tradicional Sons da Terra, o evento tem como objetivo redescobrir as raízes celtas semeadas há séculos no norte da Península e trazer novo fôlego e atrevimento à musica tradicional do Minho e de Trás-os-Montes.

Dia de Mandela: Quando o Mundo se une pela solidariedade

O Dia Internacional de Nelson Mandela comemora-se anualmente a 18 de julho, no dia de aniversário do ex-presidente da África do Sul. Nesta data é celebrada a vida e o legado de Mandela, através de um movimento que incentiva pessoas de todo o globo a agir contra as injustiças sociais, seguindo os seus passos, e ajudando a tornar o Mundo num lugar melhor. Portugal não ficou de fora e são várias as iniciativas solidárias agendadas para este dia.

Open House Porto: um fim-de-semana de visitas gratuitas

Nos dias 4 e 5 de julho, a arquitetura vai estar de portas abertas, no Porto. É nestes dias que se realiza a 1ª edição do Open House Porto, um evento que procura dar a conhecer uma grande diversidade de edifícios e infra-estruturas pelo seu elevado valor arquitetónico, através de uma abordagem de visita única e totalmente gratuita, revelando espaços quotidianamente inacessíveis ao público.

#smartelada: Marteladas virtuais por uma boa causa

Hoje à noite, as ruas do Porto vão encher-se de foliões prontos a celebrar mais uma noite de São João, na qual não pode faltar o tradicional e colorido martelo de plástico. Foi esta a inspiração para a criação da Smartelada, uma aplicação onde as marteladas são virtuais e têm como objetivo ajudar a instituição Joãozinho na construção da nova ala pediátrica do Hospital de São João do Porto.

Adriano Rangel: Há 50 anos a lançar sonhos no céu...

A noite de São João é sinónimo de folia, caldo verde em tigelas de barro, sardinhas e pepinos a assar, marteladas, alho-porro, manjericos e… balões! É certo que não dão um minuto de descanso aos bombeiros, sempre alertas, não vá cair algum onde não deve, provocando um fogo. Mas quem consegue resistir ao momento em que a noite mais longa do ano se ilumina por breves instantes? O ritual é sempre o mesmo. Um acende, outro segura e um outro endireita. No fim, todos riem, apontam e seguem o balão enquanto exclamam, quase em uníssono: Lá vai ele!

Um manjerico vou comprar, para o São João festejar

“Já cheira a São João!”, diz um senhor enquanto passa, apressadamente, por uma banca de manjericos. Por estes dias, no Porto, são vários os locais que recebem as bancas das vendedoras das plantas tradicionais dos Santos Populares, quase sempre decoradas com bandeiras coloridas de papel, onde rezam quadras populares e juras de amor.

Os mundos em miniatura de Samsofy

Sofiane Samlal ou Samsofy, como é conhecido, é um fotógrafo que se dedica a criar cenários em miniatura, usando as personagens da LEGO como inspiração. Combinando técnicas de fotografia com arte urbana e modelismo, o artista dá uma nova vida às pequenas figuras amarelas, transmitindo mensagens que misturam política, humor e poesia.

Manjericos na Rua das Flores, Porto

São João, dá cá um balão... e seis semanas de festa!

É já este sábado, dia 23 de maio, que se realiza a abertura oficial das Festas de São João, as quais se prolongam até 4 de julho. São mais de 200 as atividades programadas para as seis semanas de festejos, sendo que a maioria é gratuita. 

Torre de Moncorvo: Maio é o mês do "Rei dos Floristas"

Em Torre de Moncorvo, maio é assinalado como o mês das flores e de Constantino, o Rei dos Floristas. Durante este mês, as ruas do centro histórico da vila transmontana enchem-se de cor, decoradas “a rigor” com milhares de flores artificiais, numa homenagem àquele que ficou conhecido como o primeiro emigrante de sucesso de Moncorvo.

Existem quatro pontos cardeais, quatro pilares do universo, quatro fases da lua, quatro elementos, quatro cantos da terra, quatro humores. O espaço divide-se em quatro partes, o tempo mede-se em quatro unidades, a consciência tem quatro funções. Quatro é o símbolo da totalidade e da universalidade. E são também quatro os ventos.

Impresso em www.4ventos.net